#CADÊ MEU CHINELO?

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

[do além] AS RAPIDINHAS DO CUMPADRE WASHINGTON



::txt::George Washington::

Na condição de “Pai da Pátria” americana, fiquei estarrecido quando vi aquele AA+ no boletim de meu filho nerd. Não estou acreditando, reagi. O que nossos vizinhos da Europa e do resto do mundo vão pensar da gente? As bolsas responderam em seguida.

Essa história toda é uma loucura. Como pode uma agência privada de classificação de risco, que fez o que fez na crise financeira de 2008, provocar tanta confusão? Dá até vergonha constatar a falta de força dos governos diante do mercado. Por favor, tirem-me da nota de 1 dólar. Deixem o lugar vago nas cédulas, antes ocupado por mim, para os grandes anunciantes.

O pessoal do Tea Party demonstrou grande poder nesse episódio. Praticamente obrigaram o Obama a não gastar em mais nada. Se eles querem um Estado mínimo, sem impostos, sem sistema de saúde e o escambau, por que não terceirizamos o governo de uma vez? Minha sugestão é entregar a administração pública ao Google. Na ferramenta de busca deles, talvez se encontre uma solução para um Estado tão heterodoxo.

Se o Tea Party chegar ao poder nas próximas eleições, os Estados Unidos deixarão de ser um Estado laico. A Isenção Fiscal será a religião oficial. Nesse dia, por favor, transfiram a capital federal de Washington para qualquer cidade do Texas. Não quero meu nome envolvido numa pantomima.

Estamos recebendo lições de moral até de quem cresceu nos vendendo bugigangas e comprando o nosso Tesouro. O governo chinês nos acusa de sermos viciados em dívidas.Pior é que ele tem razão. Mas isso não é motivo para preocupar o mundo. Se encontrarmos uma boa clínica de reabilitação, que possa ser paga em 36 vezes sem juros, o problema estará resolvido. A alternativa é ficar de olho nos sites de compras coletivas, para ver se surge uma oferta tentadora de tratamento.

O ilibado governo chinês quer que o dólar passe a ser supervisionado internacionalmente ou que seja substituído por uma nova moeda mundial mais estável. Eu tenho uma recomendação: que talo guarani paraguaio? Quer moeda mais estável? Nunca valerá nada.

A verdade é que muito dessa confusão foi gerado também pela incapacidade das nossas instituições políticas em lidar com as diferenças. Não temos partidos como no Brasil, onde uma mesma legenda abriga liberais, centristas e comunistas.

Por falar em Brasil, acredito que é de lá que pode vir a solução para acalmar os mercados. Se o Ricardo Teixeira tiver acesso ao pessoal da Standart & Poor’s, pode tentar uma virada de mesa.

Mas agora é esquecer o que passou e pensar nos próximos compromissos. Bola pra frente. É sempre bom lembrar que Corinthians, Fluminense e Grêmio voltaram muito melhor do rebaixamento.


PS.: Em tempos de Facebook, ainda prefiro o Blog. Acho esquisito postar algo como "caminhamos para um novo período recessivo" e alguém, querendo me agradar, curtir isso.

*George Washington foi o primeiro presidente constitucional dos Estados Unidos. E como disse o Olivetto, o primeiro a gente nunca esquece.

Postar um comentário

#ALGUNS DIREITOS RESERVADOS

Você pode:

  • Remixar — criar obras derivadas.

Sob as seguintes condições:

  • AtribuiçãoVocê deve creditar a obra da forma especificada pelo autor ou licenciante (mas não de maneira que sugira que estes concedem qualquer aval a você ou ao seu uso da obra).

  • Compartilhamento pela mesma licençaSe você alterar, transformar ou criar em cima desta obra, você poderá distribuir a obra resultante apenas sob a mesma licença, ou sob licença similar ou compatível.

Ficando claro que:

  • Renúncia — Qualquer das condições acima pode ser renunciada se você obtiver permissão do titular dos direitos autorais.
  • Domínio Público — Onde a obra ou qualquer de seus elementos estiver em domínio público sob o direito aplicável, esta condição não é, de maneira alguma, afetada pela licença.
  • Outros Direitos — Os seguintes direitos não são, de maneira alguma, afetados pela licença:
    • Limitações e exceções aos direitos autorais ou quaisquer usos livres aplicáveis;
    • Os direitos morais do autor;
    • Direitos que outras pessoas podem ter sobre a obra ou sobre a utilização da obra, tais como direitos de imagem ou privacidade.
  • Aviso — Para qualquer reutilização ou distribuição, você deve deixar claro a terceiros os termos da licença a que se encontra submetida esta obra. A melhor maneira de fazer isso é com um link para esta página.

.

@

@