#CADÊ MEU CHINELO?

quarta-feira, 3 de abril de 2013

[a vida como ela noé] TEMPOS MODERNOS

:: txt :: Fausto Erjili ::

Notícias tendenciosas, hoaxes, spams, boatos sem sentido, intensionalmente ou não espalhados, manipulação política, informações inúteis, curiosidades supérfluas, omissão de informação, campanhas de desinformação, teorias conspiratórias, histerias coletivas, factóides e intervenções anônimas de pseudo-artistas fracassados, escatologia, terrorismo poético, flame wars, humor nonsense, bancos de dados apagados e back-ups perdidos, ensaios de relativa relevância acumulando mofo em profundesas oceânicas abissais, obras que ninguém entende, dicas de especialistas em como combinar a cor da meia com o cardápio de um jantar tailandês e o tipo de transtorno de personalidade do seu acompanhante, relatórios globais sobre o número de mortos em tragédias naturais do ano retrasado, profecias financeiras auto-realizáveis, profecias auto-realizáveis em geral - vou arrancar teus olhos com as mãos puta velha imunda - exuberância irracional dos mercados, efeito-manada-direto-para-o-buraco, narcisismo e exibicionismo coletivo, blogs, fotologs, o vídeo-do-meu-cachorro-cheirando-a-própria-merda, defacers pornográficos, hackers assexuados, crackers obsessivo-compulsivos, montagens difamatórias mal-feitas, montagens difamatórias bem-feitas, montagens difamatórias verídicas!!! Vídeos amadores de lobas-solteiras-em-busca-de-sexo, vídeos caseiros de bichas-em-busca-de-pica, sexo com animais, sexo com freiras, pedofilia, inversão de papéis, incesto, cropofagia, necrofilia, BDSM, BBBs, animes transexuais, ursos de pelúcia de olhos amendoados empalados até a garganta, pirataria generalizada, plágio e falsificações, opiniões infundadas, pesquisas de opiniões infundadas, estatísticas furadas, projetos de pesquisa científica acerca de banalidades cotidianas financiados pelo governo, cartas escritas em etrusco, enormes enumerações de fatos díspares, todos os atendentes ocupados, lixo cultural reciclável, propagandas de produtos inexistentes, golpes, pirâmides financeiras, necrópsias e aberrações,vídeos de assassinatos, vídeos de acidentes automobilísticos, vídeos de brigas de gangues, vídeos de abortos involuntários pela boca, receitas de tortura medieval, discussões pseudo-científicas em fóruns pseudo-político-econômicos, informações históricas adulteradas, fatos políticos deturpados, erros de transmissão, ruído branco, junkies informacionais andando em círculos por séculos a fio, corrupção de dados na memória esmagada em restos de eterno presente, receitas de drogas caseiras feitas de lixo de bateria, ativistas de causas obscuras, relato real de um skoptsi russo auto-castrado do século XIX, a janela, o zoológico, o corpo em pedaços, gurus econômicos neo-hippies traçam gráficos baseados em astrologia quântica, grupos anarco-nacional-socialistas e terroristas da velha guarda an-cap explodem o FED, o braço esquerdo de alguém caiu escada abaixo e ninguém lembra ou se importa onde está o direito para pegá-lo, o troll imortal, pop-ups de descontos, notícias bizarras, fotos de atropelamentos, novas dietas, descendentes de muçulmanos gerados em prostíbulos judeus inauguram a Igreja da Sétima Ressurreição Re-Crucificada de Cristo, aguardam a oitava crucificação versão redux, nerds de todo mundo em estado semi-catatônico batem uma punheta coletiva, William Burroughs rolando na cova, pornografia para crianças, mercado negro de anfetaminas, epidemias de doenças medievais, artista performático incendeia o Louvre e denuncia a fetichização da arte, coloca fotos das obras em tamanho natural à venda numa instalação ao ar livre no Taiti e doa a arrecadação para o Khmer Vermelho, paranóicos seguem dia e noite tentando apagar toda e qualquer informação existente sobre si mesmos, 300 monges meditam sob efeito de tiner com mãos, boca, garganta e pulmões queimados por três dias e noites de uso incessante, se matam num surto psicótico transmitido em rede nacional,o mais novo herói da humanidade decarrega uma metralhadora em alguma escola, sobreviventes navegam um catálogo ilustrado on-line de doenças de pele, feministas e red necks, anarquistas e neo-nazis, vegans e neo-cons, delirium tremens, redução ao absurdo, a navalha, pedaços de cabelo, vísceras pelo chão, carne esfolada, são para seus olhos... a última do verão para magéééééérrimas que se resumiram a um cu com dentes, ao caminho mais curto entre dois pontos, a autofagia perfeita, às demais, o açogueiro, queridinha..., meu braço!, meu braço! entropia exponencial, fake do fake, interferências, cachaceiro desgraçado! hoje eu não volto, após o preço do dólar desabar, a China declara falência por seus títulos da dívida americana não valerem mais porra nenhuma, terremoto mata mais de 20 mil no Paquistão, acidente aéreo em Budapeste mata outros tantos, a vida é um puteiro, um tiro na boca de todos com muito amor & muito carinho.
Postar um comentário

#ALGUNS DIREITOS RESERVADOS

Você pode:

  • Remixar — criar obras derivadas.

Sob as seguintes condições:

  • AtribuiçãoVocê deve creditar a obra da forma especificada pelo autor ou licenciante (mas não de maneira que sugira que estes concedem qualquer aval a você ou ao seu uso da obra).

  • Compartilhamento pela mesma licençaSe você alterar, transformar ou criar em cima desta obra, você poderá distribuir a obra resultante apenas sob a mesma licença, ou sob licença similar ou compatível.

Ficando claro que:

  • Renúncia — Qualquer das condições acima pode ser renunciada se você obtiver permissão do titular dos direitos autorais.
  • Domínio Público — Onde a obra ou qualquer de seus elementos estiver em domínio público sob o direito aplicável, esta condição não é, de maneira alguma, afetada pela licença.
  • Outros Direitos — Os seguintes direitos não são, de maneira alguma, afetados pela licença:
    • Limitações e exceções aos direitos autorais ou quaisquer usos livres aplicáveis;
    • Os direitos morais do autor;
    • Direitos que outras pessoas podem ter sobre a obra ou sobre a utilização da obra, tais como direitos de imagem ou privacidade.
  • Aviso — Para qualquer reutilização ou distribuição, você deve deixar claro a terceiros os termos da licença a que se encontra submetida esta obra. A melhor maneira de fazer isso é com um link para esta página.

.

@

@