#CADÊ MEU CHINELO?

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

[over12] JORNALISMO É SABOTAGEM



::txt::Arlei Arnt::

Um acontecimento recente envolvendo um blog alternativo e uma poderosa rede de comunicação alimenta uma discussão cada vez mais atual e importante. O tal blog utilizou uma foto publicada pelo portal da rede e dias depois teve que retirar a foto, a pedido da rede, sob a chantagem de um processo judicial caso a foto não fosse retirada.

Não posso concordar com tamanho abuso de poder. Mas essa não é a questão principal que pretendo abordar. Vejamos, leitor: um jornal publica determinada foto. Se por um lado gasta dinheiro (muito pouco) pra pagar o fotógrafo, por outro lado lucra com a venda do jornal em bancas, assinaturas e anunciantes. Ou seja, já houve o ressarcimento financeiro de eventuais despesas, e com certeza teve (muito lucro) com a circulação do jornal.

Porém, há porém, a questão financeira também não é o que mais assombra nesse tipo de caso. Se tal foto transmite a ideia de uma notícia, e se a notícia sempre é, ou deveria ser, um bem público, por que impedir a livre circulação dessa informação? Dando o devido crédito à fonte, que mal tem?

Infelizmente não é assim que os grandes meios de comunicação pensam. Pelo menos quando o conteúdo é produzido por eles, pois o inverso já é prática constante. É cada dia mais comum jornais, revistas, emissoras de televisão e rádio e grandes portais na internet utilizarem conteúdo produzido pelos leitores, ouvintes e telespectadores, que nada recebem em troca. Talvez seus nomes nem sejam mencionados, em alguns casos.

Vivemos num mundo cada vez mais globalizado, altamente conectado, com uma rapidez jamais vista em trocar conteúdos online. Mesmo com todo esse dinamismo tecnológico, parece que sempre haverá barreiras no caminho para impedir que a informa circule. Lembram do caso do blog da Petrobrás, que foi atacado por jornais por publicar as respostas para perguntas feitas pelos mesmos? Pois é, a mentalidade retrógrada segue em voga.

Meu recado final ao editor do blog e pros seus leitores: é interessante repetir o feito. E de preferência, sem creditar o autor da foto. Jornalismo é sabotagem!

*Domínio Público. Nenhum direito reservado.
Postar um comentário

#ALGUNS DIREITOS RESERVADOS

Você pode:

  • Remixar — criar obras derivadas.

Sob as seguintes condições:

  • AtribuiçãoVocê deve creditar a obra da forma especificada pelo autor ou licenciante (mas não de maneira que sugira que estes concedem qualquer aval a você ou ao seu uso da obra).

  • Compartilhamento pela mesma licençaSe você alterar, transformar ou criar em cima desta obra, você poderá distribuir a obra resultante apenas sob a mesma licença, ou sob licença similar ou compatível.

Ficando claro que:

  • Renúncia — Qualquer das condições acima pode ser renunciada se você obtiver permissão do titular dos direitos autorais.
  • Domínio Público — Onde a obra ou qualquer de seus elementos estiver em domínio público sob o direito aplicável, esta condição não é, de maneira alguma, afetada pela licença.
  • Outros Direitos — Os seguintes direitos não são, de maneira alguma, afetados pela licença:
    • Limitações e exceções aos direitos autorais ou quaisquer usos livres aplicáveis;
    • Os direitos morais do autor;
    • Direitos que outras pessoas podem ter sobre a obra ou sobre a utilização da obra, tais como direitos de imagem ou privacidade.
  • Aviso — Para qualquer reutilização ou distribuição, você deve deixar claro a terceiros os termos da licença a que se encontra submetida esta obra. A melhor maneira de fazer isso é com um link para esta página.

.

@

@