#CADÊ MEU CHINELO?

segunda-feira, 16 de maio de 2011

[over12] A IMPRENSA MUNDIAL PERDEU A CAIXA PRETA

::txt::Jucazito::

Curto e grosso: um fato só é um verdadeiro fato se houver alguma prova. No jornalismo, a notícia deve se basear em fatos reais, devidamente provados. E, até o momento, o único fato existente é Barack Obama ao vivo e a cores anunciando que Osaba bin Laden virou presunto. Sem corpo, sem fotos, sem testemunhas. Essa é a notícia, ou deveria ser: OBAMA DIZ QUE BIN LADEN ESTÁ MORTO. E a partir de então, procura-se provas, especula-se, debate o assunto, etc.

O que diz a imprensa mundial: OSAMA ESTÁ MORTO. Ouviram somente uma fonte - ok, uma fonte muito importante, talvez a principal peça do tabuleiro -, mas a fonte não trouxe nenhuma prova do fato ocorrido. Bin Laden pode ter morrido ou não, e não é essa a discussão.

Se o jornalismo seguir a regra, palavras vão virar fatos, e quem tiver mais holofotes vai acabar por escrever a história. Não duvide se um dia Obama precisar de mais popularidade, ele venha a público dar a manchete de todos jornais do dia seguinte: ELVIS PRESLEY NÃO MORREU.

= = =

Pensando nisso, lançamos nossa linha de manchetes pra determinados famosos e poderosos usarem quando a popularidade estiver, se já não está, baixa:

PAPA BENTO XVI: Jesus Voltará
FIDEL CASTRO: Che Vive!
DILMA: Lula é o Cara
HUGO CHÁVEZ: Bolívar é o capitão
FALCÃO: Bolívar não é mais o capitão
ALCKMIN: Mário voltou das Covas
FHC: Esqueçam tudo que eu disse
LULA: É isso ae companheiro!

(continue)!
Postar um comentário

#ALGUNS DIREITOS RESERVADOS

Você pode:

  • Remixar — criar obras derivadas.

Sob as seguintes condições:

  • AtribuiçãoVocê deve creditar a obra da forma especificada pelo autor ou licenciante (mas não de maneira que sugira que estes concedem qualquer aval a você ou ao seu uso da obra).

  • Compartilhamento pela mesma licençaSe você alterar, transformar ou criar em cima desta obra, você poderá distribuir a obra resultante apenas sob a mesma licença, ou sob licença similar ou compatível.

Ficando claro que:

  • Renúncia — Qualquer das condições acima pode ser renunciada se você obtiver permissão do titular dos direitos autorais.
  • Domínio Público — Onde a obra ou qualquer de seus elementos estiver em domínio público sob o direito aplicável, esta condição não é, de maneira alguma, afetada pela licença.
  • Outros Direitos — Os seguintes direitos não são, de maneira alguma, afetados pela licença:
    • Limitações e exceções aos direitos autorais ou quaisquer usos livres aplicáveis;
    • Os direitos morais do autor;
    • Direitos que outras pessoas podem ter sobre a obra ou sobre a utilização da obra, tais como direitos de imagem ou privacidade.
  • Aviso — Para qualquer reutilização ou distribuição, você deve deixar claro a terceiros os termos da licença a que se encontra submetida esta obra. A melhor maneira de fazer isso é com um link para esta página.

.

@

@