#CADÊ MEU CHINELO?

terça-feira, 13 de novembro de 2007

EGILDO PEREIRA

# o canal da massa #

TV DILÚVIO apresenta: Egildo Vieira

txt, img e edc: Guilherme Carlin



Esta apresentação faz parte do projeto musical Sonora Brasil, promovido pelo SESC, com circulação nacional. Egildo Vieira é multinstrumentista, compositor, pesquisador e inventor de instrumentos com timbres e afinações diferentes, a partir de materiais específicos, como cabaça, bambu e taquara.

Fundador do Quinteto Armorial, inspirado por Ariano Suassuna, Egildo fez experiências com a música escrita e a música produzida pelos cantadores, emboladores, cantadores de coco e rezadeiras. Chegou a criar vários conjuntos de choro e até hoje pesquisa e produz instrumentos como: pífanos, ariano, marimpífano, pirrabecado e violãobaço.
Postar um comentário

#ALGUNS DIREITOS RESERVADOS

Você pode:

  • Remixar — criar obras derivadas.

Sob as seguintes condições:

  • AtribuiçãoVocê deve creditar a obra da forma especificada pelo autor ou licenciante (mas não de maneira que sugira que estes concedem qualquer aval a você ou ao seu uso da obra).

  • Compartilhamento pela mesma licençaSe você alterar, transformar ou criar em cima desta obra, você poderá distribuir a obra resultante apenas sob a mesma licença, ou sob licença similar ou compatível.

Ficando claro que:

  • Renúncia — Qualquer das condições acima pode ser renunciada se você obtiver permissão do titular dos direitos autorais.
  • Domínio Público — Onde a obra ou qualquer de seus elementos estiver em domínio público sob o direito aplicável, esta condição não é, de maneira alguma, afetada pela licença.
  • Outros Direitos — Os seguintes direitos não são, de maneira alguma, afetados pela licença:
    • Limitações e exceções aos direitos autorais ou quaisquer usos livres aplicáveis;
    • Os direitos morais do autor;
    • Direitos que outras pessoas podem ter sobre a obra ou sobre a utilização da obra, tais como direitos de imagem ou privacidade.
  • Aviso — Para qualquer reutilização ou distribuição, você deve deixar claro a terceiros os termos da licença a que se encontra submetida esta obra. A melhor maneira de fazer isso é com um link para esta página.

.

@

@